Vigilância Reforçada

By  | 4 Outubro, 2018 | 0 Comments | Filed under: Notícias

A Câmara Municipal de Almada vai reforçar a vigilância nas praias do concelho, no distrito de Setúbal, durante o feriado e o fim-de-semana, devido à previsão de calor e forte agitação marítima, anunciou na  passada quinta-feira, 4 de outubro, a autarquia.

“Esta decisão surge devido ao Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prever condições meteorológicas propícias à actividade balnear e um agravamento do estado do mar, com agitação marítima forte”, explicou a autarquia, em comunicado.

Segundo o mesmo documento, a iniciativa está inserida no projecto Praia Protegida 2018, que tem o objectivo de vigiar as praias do concelho antes da época balnear, aos fins de semanas e feriados, e sempre que as condições meteorológicas sejam favoráveis a esta prática.

Foram quatro as associações que assinaram este protocolo e, por isso, entre os dias 5 a 7 de Outubro vão reforçar a vigilância nas praias, disponibilizando diariamente dois nadadores-salvadores e um meio móvel de salvamento (uma viatura 4×4 ou uma moto4).

Entre as praias da Fonte da Telha e da Bela Vista, o reforço ficará a cargo da Associação de Nadadores-Salvadores da Fonte da Telha.

A partir da Bela Vista e até à Nova Praia estará de prevenção a Associação de Nadadores-Salvadores, Resgate e Salvamento Marítimo.

Nas praias da Frente Urbana da Costa de Caparica a vigilância será assegurada pela Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Cacilhas.

Já as praias de São João e da Trafaria serão reforçadas pela Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários da Trafaria.

Segundo a autarquia, a Capitania do Porto de Lisboa, através do Instituto de Socorros a Náufragos, será a entidade coordenadora do dispositivo operacional.

Além disso, o município avançou que vai disponibilizar “uma rede rádio e respectivos equipamentos, com canal dedicado, de forma a ligar entre si todas as entidades e meios envolvidos”.

A Câmara de Almada lembrou ainda que os banhistas devem evitar “comportamentos de risco”, tendo uma atenção redobrada ao estado do mar, sobretudo nas zonas de rebentação, e devendo acatar “as indicações dos elementos da Autoridade Marítima local”.

About 

Jornal da Associação Gandaia

http://gandaia.pt

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *


CALENDÁRIO DO

AGENDA

Loading...

Subscreva aqui o Boletim do Notícias da Gandaia

Receba semanalmente no seu email um resumo das novas notícias publicadas no nosso jornal. Basta inserir o seu

Pin It on Pinterest