Aeroporto Dá Barcos

By  | 31 de Outubro, 2019 | 0 Comments | Filed under: Notícias

Agência Portuguesa do Ambiente propõe aquisição de dois novos navios para o terminal fluvial do Montijo após ter dado parecer favorável a aeroporto na cidade.

A Transtejo manifestou-se esta quinta-feira satisfeita com a proposta da Agência Portuguesa do Ambiente (APA) de aquisição de dois novos navios para o terminal fluvial do Montijo, por permitir aumentar os horários e reduzir o tempo de espera.

“Ao ser assegurada por quatro navios, ao invés de apenas dois, os horários comerciais poderão ser ampliados, reduzindo-se o compasso de espera entre ligações, o que constituirá uma mais-valia não só para os passageiros do novo aeroporto como para os munícipes do Montijo”, afirmou a administração da Transtejo, numa reposta escrita enviada à Lusa.

A proposta de Declaração de Impacte Ambiental (DIA) sobre a construção do novo aeroporto na Base Aérea n.º 6, no Montijo, no distrito de Setúbal, foi emitida esta quarta-feira pela APA, com uma decisão “favorável condicionada”, que viabiliza o projeto.

Como medida de mitigação no âmbito da mobilidade, o documento prevê que o promotor, a ANA Aeroportos, deva incluir a aquisição de dois novos navios para a Transtejo, num valor de até 10 milhões de euros.

Esta proposta foi recebida “com satisfação” pela Transtejo, que indicou que o reforço da ligação fluvial entre o Montijo, no distrito de Setúbal, e o Cais do Sodré, em Lisboa, vai permitir “aumentar a oferta”.

Além disso, frisou que, através desta medida, os passageiros do novo aeroporto poderão “alcançar Lisboa com a rapidez desejada”, em cerca de 25 minutos.

Também Carlos Costa, do Sindicato dos Transportes Fluviais, Costeiros e da Marinha Mercante (STFCMM) congratulou-se com este investimento, mas alertou para a “intensidade de tráfego” que a nova infraestrutura irá proporcionar na região.

“Não sabemos a capacidade dos navios, mas com a intensidade de tráfego que se vai fazer sentir podem ser insuficiente. Esses dois navios devem corresponder a um avião. Já para não falar que têm que contar com as bagagens dos passageiros”, advertiu.

Ainda assim, o sindicalista viu a proposta “com bons olhos”, tendo em conta que “o transporte fluvial será o mais rápido para chegar a Lisboa”.

A Transtejo é responsável pelas ligações fluviais entre o Seixal, Montijo, Cacilhas e Trafaria/Porto Brandão e Lisboa.

Em fevereiro, foi também publicada em Diário da República uma portaria que autoriza o concurso para a aquisição e manutenção de dez novos navios para a Transtejo, num contrato de 16 anos e de cerca de 90 milhões de euros.

Prevê-se que em 2021 cheguem três novos navios e os restantes ao ritmo de dois a cada ano, contabilizando-se dez navios até 2024.

About 

Jornal da Associação Gandaia

http://gandaia.pt

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *


* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *

AUDITÓRIO COSTA DA CAPARICA

  1. 15NovTeatro - "Volta a Portugal em Revista"
  2. 23NovTeatro Infantil
  3. 23NovVolta a Portugal em Revista
  4. 29NovFilipe Salgueiro
  5. 30NovFilipe Salgueiro
  6. 01DecFilipe Salgueiro
  7. 14DecConcerto Magano
  8. 21DecFesta Natal - Palhaços e Robertos
  9. 18JanDivas - Agora e Sempre (Versão adaptada)
  10. 25Jan5° Festival de Fado Ercilia Costa
  11. 26Jan5°Festival de Fado Ercilia Costa
  12. 08FebA Nossa Lingua - Concerto Acústico

GANDAIA CLUBE


NOTÍCIAS NO EMAIL

Para receber no seu email o nosso BOLETIM SEMANAL Introduza aqui o seu endereço eletrónico...

Pin It on Pinterest