Território de Muitos

A Câmara Municipal de Almada lançou em junho a nova marca Almada – Território de Muitos. A nova marca representa os Almadenses e um território único, inspirador, multicultural, solidário e onde todos encontram o seu espaço. Um território de muitos.

Depois de algumas semanas a dar pistas, a nova marca do Município de Almada foi oficialmente lançada no dia 23 de junho, num momento que antecedeu a atuação de Rodrigo Leão, no âmbito do programa Almada 2020. Na ocasião, a presidente da Câmara Municipal de Almada (CMA), Inês de Medeiros realçou que é «uma marca mais identitária e moderna, que reforça a história e o sentimento único de pertença a este território».

A autarca almadense explicou que este foi «um processo longo», iniciado com um estudo de opinião, de forma a «dar voz ativa aos Almadenses» e, da «junção de como olham para o seu território, com a visão do atual Executivo Municipal, foram definidos quatro eixos basilares: Água, nas suas componentes de mar e rio, Qualidade de Vida, Proximidade e Cultura e Criatividade».

Território de Muitos

«Almada – Território de Muitos» é a nova assinatura do Município tem mais de 870 anos.

Em 1147, segundo a obra «Corografia Portugueza» que descreve topograficamente o Reyno de Portugal, Vimadel foi o primeiro nome dado ao território almadense. E Vimadel significa «povoação de muytos».

Para a presidente da CMA, esta é «uma expressão muito feliz» porque «Almada é, de facto, um território de muitos» e foi «este território de muitos que inspirou a nova identidade».

Concebida pela Deadinbeirute, estúdio multidisciplinar de design almandense, a nova identidade de Almada nasce:

·         Da desconstrução e da simplificação dos elementos formais que marcam o território;

·         Da expressividade, da diversidade, da atitude e da energia dos seus habitantes;

·         Da vontade de valorizar e tornar mais afirmativa a essência deste território como um todo;

·         Para dar voz a todas as suas dimensões.

Na apresentação da nova marca Almada Inês de Medeiros afirmou ainda que foi aberta «uma nova página na forma como comunicamos Almada», sendo «uma forte tomada de posição de Almada» e que «celebra este território de muitos que tanto gostamos».

Notícias da Gandaia

Jornal da Associação Gandaia

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pin It on Pinterest