DAR VOZ A QUEM NÃO A TEM!

EAPNFórum Nacional com Pessoas em Situação de Pobreza e/ou Exclusão Social

Nos próximos dias 14 e 15 de Outubro a EAPN Portugal organiza, no INATEL da Costa da Caparica o V Fórum Nacional com Pessoas em Situação de Pobreza.
Cerca de 80 pessoas em situação de pobreza e exclusão social, oriundas dos vários distritos do país irão debruçar-se sobre estas matérias.

Nos próximos dias 14 e 15 de Outubro a EAPN Portugal organiza, no INATEL da Costa da Caparica o V Fórum Nacional com Pessoas em Situação de Pobreza. O programa conta com vários grupos de trabalho que durante os dois dias abordarão temas como o contexto de crise e o seu impacto na vida das pessoas; a importância da definição de um rendimento mínimo adequado, que recursos/ estratégias mobilizar para garantir o bem-estar comum. Cerca de 80 pessoas em situação de pobreza e exclusão social, oriundas dos vários distritos do país irão debruçar-se sobre estas matérias.
«Temos procurado promover a cidadania e a participação das pessoas que vivem ou viveram em situação de pobreza e/ou exclusão social, particularmente entre os grupos sociais mais desfavorecidos. Este desígnio encontra-se na raiz do pensamento e da filosofia de atuação da EAPN – dar voz às pessoas que normalmente não a têm», afirma o presidente da EAPN Portugal, Padre Jardim Moreira. A EAPN tem promovido o desenvolvimento de movimentos de cidadania, quer a nível distrital – através dos grupos locais de pessoas em situação de pobreza – quer a nível nacional, com a constituição do Conselho Consultivo Nacional, e ainda a nível europeu, com a participação no Encontro Europeu de Pessoas em Situação de Pobreza e de Exclusão Social.
De acordo com o tema do Ano Europeu dos Cidadãos, o presidente da EAPN Portugal, considera importante que «num contexto de plena austeridade e perda de direitos sociais, se acentue o papel relevante que os cidadãos assumem na defesa dos direitos humanos, sobretudo das pessoas que se encontram em situação de maior fragilidade».

Objetivos específicos do encontro:

► Reconhecer o direito das pessoas em situação de pobreza e exclusão social a viverem com dignidade e a participar plenamente na sociedade;

► Auscultar as pessoas em Situação de Pobreza e/ou Exclusão Social, sobre os vários sistemas com que interagem no seu quotidiano, promovendo o direito a serem escutadas em temas que diretamente influenciam a sua vida;

► Ativar competências pessoais e sociais através da criação de um espírito de proximidade e de equidade entre todos os participantes promovendo a participação cívica.

► Promover o diálogo entre entidades públicas com responsabilidade nas diversas áreas da intervenção e as opiniões, críticas e desejos das Pessoas em Situação de Pobreza.

► Dar visibilidade à temática da luta contra a pobreza e a exclusão social

Paralelamente ao programa de trabalho, estará patente uma exposição de vídeos, produtos e fotografias, denominado Espaço Cidadão. No mesmo local haverá um painel onde cada pessoa poderá colocar frases alusivas à cidadania e à luta contra a pobreza e exclusão social.

Notícias da Gandaia

Jornal da Associação Gandaia

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Pin It on Pinterest