Praia pelo Surfista

APANHAR A ONDA

Miguel Gomes, presidente da Associação de Surf da Costa de Caparica, 49 anos e com um filho já nas competições, tem visto o surf crescer na sua vida acabando por se tornar central, apesar de não ser a sua profissão.

“Isto começou em 1986, como um grupo de amigos que se reuniam na Praia do Marcelino para fazer surf” explica, relatando a evolução da ASM, Associação de Surfistas do Marcelino, que já organizava competições entre sócios e outros locais, para a formalização como Associação de Surf da Costa da Caparica em 1994. “Presentemente com cerca de 200 sócios federados para um total de mais de mil associados. Somos um dos maiores clubes de surf nacionais, o mais premiado da Costa, com vários campeões nacionais.”

Miguel Gomes continua a olhar o mar chão com o indisfarçável ar de desapontamento, o mesmo com que um pescador olha o mar bravo, como se fossem um reverso das expectativas do mar.

“Mas eu também sou pescador”, atalha MG, para depois esclarecer que para o surf “a época alta é de setembro a maio. No verão, no equinócio, há algumas ondas… mas o verão é isto que estamos a ver agora, flat.”

Quando interrogado sobre os melhoramentos a fazer, não hesita em prevenir que tem ideias muito claras sobre o assunto: “é preciso fazer o trabalho de casa”, diz Miguel Gomes. “Claro que é muito importante termos QS, Campeonatos do Mundo 3000, 6000, atrair pessoas para a praia e os holofotes estarem virados para nós; é muito importante termos escolas de surf, mas tudo tem que ter um enquadramento e um seguimento.

Primeiro, a regulamentação nas escolas barrar a ocupação selvagem do areal que prejudica aqueles que legalmente desenvolvem a sua atividade ao longo de todo o ano.

Depois, tem que haver aqui um Centro de Estágio, instalações que permitam formar os atletas locais, receber seleções, incrementar os intercâmbios… Se olharmos em redor, há centros em Carcavelos, Peniche, Ericeira, Viana do Castelo…”

Notícias da Gandaia

Jornal da Associação Gandaia

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pin It on Pinterest