São Lourenço 1956

RECORDANDO VELHOS TEMPOS

Eram os meus tempos de juventude no nosso querido Alentejo. Na aldeia de Santo Amaro (Sousel), terra de Minha querida Mãe, passava as minhas férias de Verão. Organizámos uma equipa de futebol e, como não tínhamos equipamentos, pedimos ao Futebol Clube Veirense que nos emprestasse os seus para fazermos estes jogos amigáveis com os clubes das aldeias e vilas dos arredores.

A foto que ilustra este texto é de um jogo realizado em 12 de Agosto de 1956 na aldeia de São Lourenço de Mamporcão. O campo, como acontecia muitas vezes, era improvisado num terreno agrícola depois de o cereal ser ceifado e o restolho pastoreado. Como é bom recordar tantos amigos jogadores e acompanhantes da aldeia, onde passava as minhas férias do Verão tórrido, deste Alentejo que me ensinou a crescer. Muitos deles, quase todos, já partiram e são agora uma imensa Saudade. Procurem identificá-los e imaginem o que era a Vida nesses anos já tão distantes. O meio de transporte não era o autocarro mas sim carros puxados por parelhas de mulas e com molas de azinho…a percorrerem estradas poeirentas e cheias de buracos e de pedras.

Resta acrescentar que nesse jogo ganhámos por 6 a 4 e no final comemorámos com os nossos adversários com abraços de amizade e um grande lanche de pirolitos e bom pão alentejano com queijo ou chouriço, ou algumas azeitonas!!! O que interessava era participar e passar um dia divertido. Verdadeiro desporto para quebrar as rotinas desses Velhos Tempos.

 

António José Zuzarte, Costa da Caparica, 8 de Abril de 2022

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Pin It on Pinterest