Autópsia em Palco

A Companhia Olga Roriz vai estar em Almada, na Sala Principal do Teatro Municipal Joaquim Benite, no sábado, dia 8, para, a partir das 21:00, apresentar Autópsia, a sua mais recente criação.

Autópsia, a sua mais recente criação, é segundo a crítica Cláudia Galhos, “uma peça de puro movimento, que vai da origem do homem à origem do universo, da mínima escala íntima da biografia, também física, de uma pessoa, à escala planetária, que vai do passado ao futuro condensado num presente turbulento. Aqui a morte não é mera consequência da vida. Parece mais um lugar de passagem, dilui-se a ideia de separação entre Homem e Natureza.” Em palco estarão os bailarinos André de Campos, Beatriz Dias, Bruno Alves, Catarina Câmara, Marta Lobato Faria e Yonel Castillo Serrano, sendo a selecção musical da coreógrafa e de João Rapozo, e o desenho de luz de Cristina Piedade. Antiga aluna da Escola de Dança do Teatro Nacional de São Carlos e da Escola de Dança do Conservatório Nacional de Lisboa, Olga Roriz integrou o elenco do Ballet Gulbenkian. Fundou, em 1995, a Companhia Olga Roriz – uma referência de qualidade profissional e artística no panorama nacional e internacional da dança contemporânea, sob a forma de uma estrutura de autor cujas produções são o resultado de um intenso processo criativo de investigação, partilha e reflexão, tendo, em 2017, a sua criação Síndrome recebido o Prémio Autores para Melhor Coreografia.

Notícias da Gandaia

Jornal da Associação Gandaia

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *

Pin It on Pinterest