Planta Parasita

By  | 29 Março, 2017 | 1 Comment | Filed under: António Zuzarte, OPINIÃO

A foto obtida na Costa da Caparica, nos campos junto à igreja nova, em Abril de 2013, é uma planta da espécie Orobanche crenata. Planta parasita de leguminosas, em campos de cultivo e comunidades de plantas ruderais ( junto a caminhos ).

Planta parasita, porque não tem folhas, e necessita de se associar a outras plantas para poder viver. Com o seu caule erecto, revestido de lindas flores labiadas, onde os insectos procuram o polén, na sua função extremamente útil para a Natureza.

A seu lado uma flor, a que chamaríamos malmequer, mas que é conhecida por Erva gorda, é a Arctotheca calendula ( L. ). Encontra-se em dunas e arribas litorais, bermas das estradas e terrenos incultos. As duas podemos observá-las nesta Primavera que já estamos a viver.

A planta parasita, como tantas outras de outras espécies, e como tantos animais, fazem parte da Natureza, da biodiversidade, que todos temos de proteger, admirar, fotografar e aprender a amar.

Há por aí outros parasitas, que não são úteis à sociedade, mas que por esse mundo fora, vão vivendo, explorando os outros, conspurcando o planeta, que não têm nada a ver com estas belas flores.

 

António José Zuzarte, 22 de Março de 2017.

One Response to Planta Parasita

  1. Reinaldo Ribeiro 31 Março, 2017 at 6:43 PM

    É sempre bom haver quem escreva sobre flores, e sobre a sua infinita beleza, num mundo cada vez mais árido e pedregoso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *


* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *

AGENDA

Loading...